quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Dieta interfere na qualidade seminal


Associações entre hábitos de vida e fertilidade são muitas e sabe-se que, teoricamente, quanto melhor forem esses hábitos, melhor será a fertilidade.

Uma pesquisa realizada na Universidade de Murcia, na Espanha, avaliou a influência da dieta na qualidade dos espermatozóides. Este estudo foi publicado este mês na Human Reproduction, a revista da Sociedade Européia de Reprodução Humana e Embriologia.

Foram comparadas dois tipos de dietas: uma baseada em frutas, vegetais e frutos do mar e outra baseada em alimentos industrializados, batatas fritas e fast-foods. Foram analisados 209 homens entre 18 e 23 anos, no período de um ano.

Foi observada uma associação positiva entre uma boa contagem de espermatozóides e uma dieta mais saudável, enquanto os homens que tiveram uma dieta mais desequilibrada apresentaram maior grau de obesidade e menos espermatozóides que o considerado normal.

Portanto, trata-se de mais uma pesquisa que demonstra os efeitos negativos do excesso de peso e de hábitos de vida ruins sobre a fertilidade.

Fica a dica para o novo ano que se aproxima: é preciso suar mais, comer melhor e ter sempre hábitos saudáveis de vida para se atingir uma boa e melhor fertilidade.

Um Feliz e Super Fértil 2016 !!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário